Como as marcas devem se comportar diante a uma pandemia?

Como as marcas devem se comportar diante a uma pandemia?
Você liga a TV ou abre um jornal e a primeira coisa que vê é uma matéria sobre o Coronavírus, seja ela uma atualização das mortes ou dicas de prevenção dizendo “fique em casa!”, qualquer coisa já é motivo para um grande alvoroço. Aí começam os pensamentos: “se eu ficar em casa, como minha empresa vai sobreviver?”. A dica é clara e simples: calma!

 

Antes de falarmos sobre como uma marca deve se comportar diante a essa pandemia queremos te fazer uma pergunta: você sabe o que está acontecendo no mundo? É preciso estar sempre atualizado e bem informado para que aí sim você possa começar a pensar na sua empresa.

Resumindo: o Coronavírus é um conjunto de mais de sete vírus, sendo, por essa razão, muito forte e está diretamente relacionado ao sistema respiratório humano. Uma nova versão desse vírus foi desenvolvida na natureza e infectou as primeiras vítimas em Wuhan, na China, sendo transmitida para o restante do planeta.

Não é possível saber quantas pessoas serão afetadas ao redor do mundo pela COVID-19, doença causada pelo novo Coronavírus. O que sabemos é que as bolsas mundiais começaram a despencar, e isso afeta direta ou indiretamente todos os setores.

2
No entanto, toda crise é uma oportunidade. Nesse momento, as empresas precisam mostrar o seu lado humano, sem oportunismo, nada de querer comprar um produto barato e revender por um preço absurdo, isso gera efeito negativo para qualquer negócio.

 

Depois que essa pandemia passar, há a possibilidade real de muitas empresas decretarem falência, cortar investimentos e demitirem funcionários, especialmente aquelas que já estavam em situação negativa. Por isso, é muito importante que uma empresa que queira sobreviver à crise esteja preparada com estratégias sólidas focadas em brand e métricas de resultados.

A esperança é que esse período difícil passe rapidamente e com poucos impactos na vida das pessoas. Diante a essa pandemia, é importante seguir as orientações da Organização Mundial da Saúde e, para as empresas, procurar uma agência especializada em marketing digital que possa traçar um planejamento estratégico para não deixar o seu negócio afundar de vez.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.